Os resultados da Apple não deixaram Tim Cook com os olhos em Bico.

Apple perde mercado na china

Há uns dias atrás demos-lhe a conhecer os méritos da Apple no passado trimestre de 2016, tanto o seu record de vendas, como também o brilharete da sua imagem de marca, o iPhone. Mas houve o que ficasse aquém das expectativas.

A marca, líder de mercado na América, Europa e Japão, continua a ter dificuldades em consolidar a sua posição num território importante e ao mesmo tempo difícil: A China. E os resultados podem comprová-lo.

O último trimestre do ano passado mostra que a contribuição da China para as receitas totais da marca foi na ordem dos $16 milhões, uma redução de 12% em relação ao mesmo período do ano anterior. Estes resultados levaram a marca a perder a sua posição de líder de mercado, mantida desde 2012, passando este a ser a OPPO, uma fabricante de smartphones chinesa que chegou ao mercado há apenas alguns anos.

Resta saber o que tenciona fazer a empresa de Tim Cook face a estes resultados. Desistirá a Apple da China ?

Subscreva a nossa newsletter:

Campos marcados com * são obrigatórios.

Mais artigos

ver todos os artigos